Passos importantes para quem deseja fazer um intercâmbio

Já pensou em fazer um intercâmbio? Estudar, morar ou passar um tempo fora do país é o sonho de muitas pessoas. Mas você sabe qual o procedimento necessário?

O intercâmbio pode ser uma experiência incrível para você e quem está se preparando para embarcar nessa ideia, deve conferir alguns passos fundamentais para se planejar.

Passo 1

O primeiro passo precisa ser estabelecido antes mesmo de você começar a juntar dinheiro e é referente a escolha do país para o qual você estará viajando. Monte uma lista de prioridades para a sua viagem e pesquise bastante antes de decidir o destino.

Vale a pena levar em consideração a época do ano em que você estará viajando, alguns países ficam mais em conta em baixa temporada. Este ponto é importante também para que você não seja prejudicado pelo clima da região.

Passo 2

Como o seu intercâmbio será voltado principalmente para o aprendizado ou aperfeiçoamento de uma língua, é bem interessante para você começar a conhecê-la antes de viajar.

Isto não é realmente necessário no caso de intercâmbios voltados para o aprendizado de uma língua, mas é essencial e até exigido por alguns países para quem vai viajar a estudos ou a negócio.

Passo 3

Com tudo fluindo naturalmente, será a hora de pensar no tipo e no tempo que a sua viagem irá durar. O intercambista pode optar por intercâmbio para uma segunda língua, intercâmbio business ou intercâmbio preparatório, por exemplo.

Selecionar o tipo de intercâmbio será fundamental para estabelecer preços e toda a documentação necessária para que você não tenha nenhum problema na imigração.

Passo 4

Agora que você já sabe o local, a língua falada e o tipo de intercâmbio, você pode começar a verificar qual a documentação necessária para a sua viagem.

No geral, as regras podem variar de país para país. Algumas regiões exigem visto para quem vai passar mais de 6 meses, outros possuem coligações com o Brasil e proporcional intercâmbio facilitado.

Passo 5

Um dos pontos mais importantes para quem vai fazer um intercâmbio é o campo da saúde. Você deve verificar quais as vacinas necessárias para ingressar no seu país de escolha. O cartão de vacina precisará ser apresentado em alguns locais.

Além disso, o estudante deverá estar portando um seguro saúde referente ao tempo em que estará no país. Apesar de ser muito importante para a segurança do intercambista, nem todos os países exigem esse documento.

5 dicas para deixar seu currículo 100 vezes mais atrativo

A disputa no mercado de trabalho está cada vez mais acirrada e não basta só ter um boa experiência, é preciso saber colocar essas informações no seu currículo. Se você ainda não sabe o que pode fazer para tornar o seu currículo mais atrativo, confira a seguir 5 dicas que podem ajudar você:

Atente-se a distribuição de informações

O currículo, no geral, precisa ser bastante objetivo. Na maioria das vezes, os entrevistadores não estarão interessados em ler a descrição da sua vida profissional inteira em um currículo de quatro páginas.

O ideal é que você sabia selecionar o que é realmente indispensável para a sua apresentação. É válido enfatizar a colocação dos seus dados no documento, afinal, eles serão a sua forma de contato.

Foque em um idioma

Possuir uma segunda língua coloca qualquer currículo a frente dos outros, por isso, se você já possuir uma afinidade com algum idioma, deixe isso especificado no seu currículo. A dica é você colocar um tópico, logo após as suas experiências profissionais, denominado “Idiomas”.

Lá você irá descrever o seu contato com a língua, dando prioridade a cursos que apresentem certificado. Quem ainda não possui essa capacitação, deve estar atento as oportunidades de cursos gratuitos, tanto presenciais como a distância.

Enalteça as informações complementares

Muita gente acha que só o que é interessante quanto ao currículo é a sua carga de trabalho anterior. Bem, as informações complementares da sua carta de apresentação profissional podem ser capazes de destacar você como funcionário.

Nesse campo, você deverá estar descrevendo atividades como trabalho voluntário, pesquisas na universidade, monitoria, iniciação científica, entre outras opções que servem como um tipo diferenciado de experiência. Nem todo mundo está atendo a esse tópico!

Saiba direcionar o objetivo profissional

Você sabe do que se trata o tópico de “objetivo profissional”? Na maioria das vezes, as pessoas entendem errado essa parte do currículo e acabam enchendo o parágrafo com objetivos pessoais dentro da carreira.

O objetivo profissional está relacionada a vaga ou ao cargo que você quer atingir e por essa razão, o ideal é que ele seja diferente em cada entrevista de emprego que você fizer.

Descreva brevemente suas habilidades profissionais

Será nesse ponto que você poderá mostrar discretamente as suas capacidades como profissional da sua área. você pode falar um pouco do que aprendeu em suas funções anteriores.

Se for o seu primeiro emprego, descreva capacidades adquiridas dentro das suas informações complementares ou dentro da formação profissional.

Saiba como vencer a timidez nos negócio

Trabalhar no mundo dos negócios exige muitas habilidades bastante específicas. Uma dessas habilidades é a simpatia e capacidade de comunicação. Para muitas pessoas, de diferentes áreas, a timidez é uma grande inimiga.

Se você está passando por uma situação semelhante, saiba que é possível melhorar as suas dificuldades com dicas simples. Leia o texto a seguir e descubra como é possível vencer a timidez nos negócios:

Leia bastante

Você sabia que a leitura pode ser um exercício de confiança? Isto poque, ler permite que você amplie o seu vocabulário e passe a ser capaz de articular melhor as palavras. Assim, você poderá ter a habilidade de emitir o seu discurso de forma mais firme, sabendo se expressar melhor. Uma dica interessante é fazer a leitura em voz alta.

Controle a sua respiração

É normal se sentir nervoso na hora de fechar um negócio ou de entregar um trabalho muito importante. Quando somos colocados em situações anormais para a nossa rotina ou para nossa zona de conforto, o organismo tende a responder a esses estímulos. Sabendo controlar a sua respiração, você estará mantendo a habilidade de articular as palavras.

Ensaie no espelho

Nada melhor para conseguir colocar os seus pensamentos em palavras do que praticar diálogos em voz alta. Você também pode filmar suas apresentações para assistir e avaliar o que pode ser melhorado. A observação e aperfeiçoamento do que é incomodo irá gerar maior confiança no seu trabalho.

Use o silêncio ao seu favor

Geralmente, pessoas tímidas são ótimas ouvintes e você pode usar isso ao seu favor no mercado de trabalho. Saiba ouvir e interpretar o que as outras pessoas querem e precisam. No mundo dos negócios, a comunicação é essencial e isto deve ser um processo de emissão e retorno do discurso.

Demonstre confiança

É difícil parecer seguro quando você está saindo da sua zona de conforto, mas com alguns exercícios, isso pode ser possível. Mesmo que você esteja desconfortável, transpareça firmeza. Não use palavras como “acho, penso, talvez…” e esteja sempre com uma boa postura corporal. Além disso, não se esqueça de respirar fundo para evitar atropelar a sua fala com o nervosismo.

Busque apoio profissional

Essa dica é bem interessante, principalmente para o empreendedor que estará fazendo o contato inicial com alguém. Você pode pedir que um representante ou um conhecido introduza você para uma pessoa ou um grupo. Assim, as apresentações parecem mais naturais e você poderá relaxar.